Dia do Consumidor? Cuidado para não comemorar no prejuízo. No dia do Consumidor, marca de roupas registra recorde de denúncias feitas por clientes com casaco de couro esfarelando.

No dia do Consumidor, 15 de Março, reclamações de consumidores chegam a 680 milhões em 2018. De acordo com o diretor do Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor do Ministério da Justiça, André Luiz, os números são positivos. “O consumidor buscar seus direitos e encontrar canais para isso, sem precisar recorrer ao judiciário, nos parece um avanço muito importante”, disse.

Denúncia:

Segundo o cliente, a Loja ELLUS Fortaleza, ofereceu em uma de suas lojas um casaco no valor de compra de R: 2.200,00 à vista, como venda de couro. O cliente que nos procurou e optou por não ser identificado, ressalta que nunca havia utilizado a peça, que em seu primeiro dia de uso apresentou defeitos.

Fiz uma compra de diversas peças na Ellus e nesta mesma compra, comprei um casaco, oferecido como couro. Utilizei a peça uma única vez e foi o bastante para inutilizá-la. As mangas, golas e costas estão craqueladas, quebradiças e se desfarelando. Paguei caro pelos produtos confiando que a marca Ellus, no mínimo, vendia qualidade em seus produtos, motivo pelo o qual resolvi pagar o preço nas peças. Esta jaqueta era para durar a vida inteira. Procurei a Ellus Loja Fortaleza Iguatemi e o gerente me disse que encaminharia meu problema para a fábrica para análise. Já liguei diversas vezes na loja, contactei a própria proprietária da franquia por nome Simone, e o gerente da loja nunca está e ainda não retornou nenhuma das minha ligações. Estou me sentindo lesado e impotente, pois comprei um produto caro e à vista e consegui utilizar apenas uma única vez“, desabafa o leitor.

O cliente, alega ainda que procurou diretamente a proprietária da loja e franquia em Fortaleza por meio de seu advogado, sendo então assim, tratado com descaso, pois até o presente momento não obteve algum tipo de retorno da loja ou da própria proprietária.

Aconselhado por seu advogado, o cliente procurou o site ‘RECLAME-AQUI’, onde o mesmo apontou recorde de 526 reclamações sobre o mesmo produto, em apenas 12 meses.

Dia do Consumidor:

Apesar do desconhecimento, ela tem certa idade e é comemorada no dia 14 de Março. Foi comemorada pela primeira vez em 1983, em 15 de março. Seu nome oficial, contudo, não aponta para o fator consumo da equação, sim para a fator dos direitos: Dia Internacional do Direito do Consumidor.

A efeméride vem de um discurso do presidente americano John Kennedy, em 15 de março de 1962, quando ele falou pela primeira vez e com grande repercussão sobre direitos dos consumidores.

A dúvida que paira é: a data serve para quê? Comemorar consumindo ou não consumindo? Ou talvez consumindo com mais consciência?

Direito de resposta:

Até o fechamento dessa pauta ainda não havíamos recebido retorno da Loja.

Notícias

Informação o tempo todo.